Notícias da área jurídica

28 de novembro de 2013, às 07h46min

Advogado disponibiliza modelo de ação indenizatória contra o app Lulu

 

A polêmica desta semana nas mídias sociais está sendo, sem dúvidas, o aplicativo Lulu, com o qual mulheres podem avaliar homens e compartilhar com outras usuárias suas impressões. Logo que se popularizou, o app se tornou alvo de críticas e muitos homens já demonstraram insatisfação, pela exposição desautorizada.

 

Um exemplo é um estudante de Direito que entrou com uma ação contra o aplicativo e contra o Facebook (o app usa dados sincronizados com a rede social) na 2ª vara do Juizado Especial Cível de Vergueiro, em São Paulo. Ele pleiteia uma indenização de R$ 27 mil.

 

O advogado que representa o estudante no caso, Fabio Scolari - do escritório Scolari, Garcia & Oliveira Filho, disponibilizou o modelo de petição utilizado no caso. Está aí o provável ponto de partida para mais um capítulo dessa celeuma que promete grandes emoções. 

 

Clique aqui para ter acesso ao modelo da petição.

 

Fonte: Portal Administradores.com
Autor: Redação do Administradores.com
Categoria: Direito Civil

NOTÍCIAS MAIS LIDAS
25 de fevereiro de 2015, às 18h07min
TERESINA — O juiz da Central de Inquérito da Comarca de Teresina, do Tribunal de Justiça do Piauí, Luiz Moura Correia, determinou que todas ...
11 de fevereiro de 2015, às 12h49min
A Avon Cosméticos foi condenada pela Justiça do Trabalho a pagar R$ 100 mil a uma ex-funcionária que era forçada a se fantasiar e participar...
05 de fevereiro de 2015, às 16h21min
Uma vez por ano, a Avon Cosméticos realiza conferências para divulgar novos produtos e metas de vendas a empregados. Uma gerente de vendas d...
NOTÍCIAS MAIS COMENTADAS
02 de fevereiro de 2015, às 11h02min
A utilização de varas, caniços e molinetes para pesca em local interditado, com inexpressiva ou nenhuma lesão ao bem jurídico tutelado, auto...
02 de fevereiro de 2015, às 11h09min
A 8ª Turma do TRF da 1ª Região determinou a anulação de questão da prova prático-profissional do exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB...
02 de fevereiro de 2015, às 11h29min
Uma trabalhadora será indenizada em danos morais após provar na Justiça do Trabalho que sofria pressões psicológicas de suas coordenadoras n...