Acusado de duplo homicídio é absolvido em Arapiraca por falta de provas

407
Denunciada por falsa acusação de estupro é absolvida
Créditos: -Taurus- / Shutterstock.com

 

O Conselho de Sentença da Comarca de Arapiraca decidiu, durante julgamento ocorrido na manhã desta quarta-feira (24), que o réu Adriano Tibúrcio dos Santos não cometeu o duplo homicídio de Elias Lopes da Silva e Alexsandro Lopes da Silva, pai e filho, respectivamente, em abril de 2011.

Os jurados entenderam que não houve provas da autoria do delito. O júri foi presidido pelo juiz Alfredo dos Santos Mesquita. Durante o julgamento, o Ministério Público de Alagoas pediu a absolvição de Adriano.

O crime ocorreu na zona rural de Arapiraca. Segundo a denúncia, Elias conduzia seu veículo na companhia do seu filho Alexsandro, quando foram abordados por indivíduos em uma caminhonete, que efetuaram disparos de arma de fogo contra as vítimas.

Consta nos autos que testemunhas alegavam que os comentários na região dariam conta de que Adriano, vulgo “Yan” seria o responsável pelo crime. O réu afirmou que estava no Paraguai no dia do crime.

Processo nº 0000221-21.2013.8.02.0058

Karina Dantas – Dicom

Fonte: Tribunal de Justiça de Alagoas

DEIXE UMA RESPOSTA