Saiba como funcionam os juizados dos aeroportos

65

Unidades de Congonhas e Cumbica atuam na conciliação

Os juizados especiais dos aeroportos de Congonhas (Capital) e Cumbica (Guarulhos) atendem passageiros que enfrentam problemas com as companhias aéreas e buscam uma conciliação. Recebem reclamações por falta de informação, overbooking, atrasos e cancelamentos de viagens, extravio e violação de bagagens, entre outras demandas.

No local, tenta-se um acordo entre as partes. Quando não há conciliação, a demanda vira processo, que é encaminhado para o Juizado do domicílio do reclamante, mesmo que em outro Estado.

Confira os locais e horários de atendimento:

Congonhas (São Paulo)

De 2ª a 6ª – das 11 às 19 horas

Local: Mezanino do saguão principal, ao lado da agência dos Correios

Telefone: (11) 5090-9801/02/03

Cumbica (Guarulhos)

De 2ª a 6ª – das 11 às 19 horas

Local: Terminal 2, Asa ‘E’, ao lado da Polícia Civil, no mezanino

Telefone: (11) 2445-4727/28/29

Autoria: Comunicação Social TJSP – SO
Fonte: Tribunal de Justiça de São Paulo – TJSP

DEIXE UMA RESPOSTA