Alexandre Soares nega que Wellington Silva tenha participado de esquema de manipulação de resultados

0
53

Atacante do Fluminense, emprestado ao Internacional, nega participação do atleta em esquema de manipulação de resultados entre Levante e Zaragoza

Wellington Silva, atacante do Fluminense que está emprestado ao Internacional, pode ser suspenso por até seis anos, por ser um dos atletas apontados de ter participado de um esquema de manipulação de resultados entre Levante e Zaragoza, dois times espanhóis.

Por meio de um comunicado enviado pela assessoria de imprensa, Alexandre Soares, advogado do jogador, nega a participação do atleta no caso.

Além disso, Soares informa que Wellington Silva já prestou depoimentos à justiça espanhola no passado.

Entenda o caso

A investigação está sendo feita sobre a última partida do Campeonato Espanhol de 2011, entre os dois times citados. 41 pessoas estão envolvidas no caso, como os jogadores Ander Herrera (Manchester United), Gabi (Atlético de Madrid) e Ponzio (River Plate) e o técnico Javier Aguirre (ex-Zaragoza), entre outras.

A suspeita é de que o Levante tenha perdido a partida de propósito para evitar o rebaixamento do Zaragoza, mediante movimentações bancárias entre os times.

O advogado disse que seu cliente jamais recebeu qualquer valor ou mesmo contato de ninguém a respeito desses fatos. Ele ressaltou, inclusive, que o atleta se dispôs voluntariamente a quebrar seu sigilo fiscal e bancário para a realização de todas as investigações necessárias.

Alexandre Soares também disse que com uma possível reabertura do processo para sua avaliação em segunda instância, por solicitação do Ministério Público, que o arquivou em primeira instância por falta de provas, Wellington continua à disposição para prestar qualquer esclarecimento que se fizer necessário.

 

Fonte oficial: Netflu