Juíza proíbe advogado de beber água durante audiência

1266
juíza
Créditos: Uatp2 | iStock

Durante audiência na Vara do Júri de Guarulhos-SP, uma juíza proibiu um advogado de beber água. De acordo com relato feito em uma rede social, o advogado de defesa Fábio Tavares teria ido até uma bancada que continha garrafas de água. Contudo, antes que pudesse abrir a garrafa, a juíza que comandava a audiência interrompeu o advogado de acusação, Edson Belo, que discursava no momento, para chamar atenção de Tavares, proibindo-o de beber aquela água. A magistrada argumentou que a água era somente para membros do Tribunal, devolvendo a palavra a Belo.

Diante do episódio, Belo questionou a magistrada o porque de seu opositor não poder beber água, que, segundo ela, era do Tribunal. A juíza alegou que os advogados não faziam parte do Tribunal e que a água era só para quem estava trabalhando, pois não tinham verba para comprar para outras pessoas

O advogado de acusação destacou que a proibição era uma afronta a dignidade da advocacia, e que a juíza os tratou como meros espectadores que só estavam ali por imposição legal. (Com informações do Bahia Notícias.)

 

DEIXE UMA RESPOSTA