Bradesco indenizará família de dona do Guimas

290

Empresária dona do Guimas foi morta em um assalto em uma agência do Bradesco.

dona do guimas
Créditos: M-A-U | iStock

A família de Maria Cristina Bettencourt Mascarenhas, uma das sócias do restaurante Guimas, será indenizada pelo Bradesco em cerca de R$ 570 mil. A empresária foi morta em um assalto, em 2014, após sacar R$ 12 mil em uma agência bancária.

A desembargadora da 26ª Câmara Cível do Rio de Janeiro entendeu que houve falha na segurança da agência, motivo pelo qual condenou o banco ao pagamento da indenização, além de uma pensão para o marido da vítima.

Filha caçula de Tintim, Isabel Mascarenhas, salientou que, no dia seguinte à morte, o banco mudou o esquema de segurança da agência. A empresária informou com antecedência sobre o saque, mas, ao chegar na agência, o dinheiro não estava separado, e ela não foi levada para uma área especial para receber a quantia. (Com informações do Extra.)

DEIXE UMA RESPOSTA