IEPTB apresenta novo site mais funcional e intuitivo com aplicativo para smartphone

221

IEPTB cria aplicativo de consulta de protesto

Instituto de Estudos de Protesto de Títulos do Brasil (IEPTB)Mais serviços e informações dentro de um layout funcional, intuitivo e inteligente. Com essa proposta foi lançado o novo site do Instituto de Estudos de Protesto de Títulos do Brasil (IEPTB), entidade de classe representante dos Cartórios de Protestos do país.

A página eletrônica agora é completamente responsiva, o que significa que pode ser acessada de diversos dispositivos, como smartphones e tablets, por meio dos principais sistemas operacionais.

Aplicativo para Consulta de Protesto
Créditos: Reprodução / Divulgação

O projeto da nova página eletrônica hospedada no endereço eletrônico (URL) ao lado –  www.pesquisaprotesto.com.br  – apostou na melhoria da ergonomia de navegação e na atualização das tecnologias utilizadas. Do conteúdo à navegabilidade, tudo foi projetado para oferecer ao usuário uma experiência a mais agradável possível.

Funcionalidade e serviços

Uma série de importantes serviços está disponível no site e podem ser utilizados tanto pelo internauta comum quanto por pessoas jurídicas. É possível, por exemplo, consultar gratuitamente possíveis protestos de títulos – bastando para isso informar o CPF da pessoa interessada – e também solicitar uma certidão negativa.

Outra funcionalidade do site está disponível às empresas que já são conveniadas aos Cartórios de Protestos. Trata-se da Central de Remessas de Arquivo (CRA), que automatiza e facilita a abertura do processo de protesto. As empresas já conveniadas possuem login e senha e podem acessar a CRA por meio do site do IEPTB.

Aplicativo para Android e IOS

Além das mudanças no site, também está disponível agora um aplicativo por meio do qual o usuário poderá consultar rapidamente títulos de protestos por meio do smartphone ou do tablet, tanto nos sistemas IOS quanto Android.

Com isso, o Instituto de Estudos de Protesto de Títulos do Brasil agiliza o atendimento aos usuários e facilita a abertura de protestos de títulos. O aplicativo pode ser baixado na App Store da Apple e a versão para Android no Google Play.

DEIXE UMA RESPOSTA