Centauro recebe multa por conflito de preços na “Black Friday”

210
A Centauro foi multada em mais de R$ 670 mil Créditos: Reprodução A quinta câmara de Direito Público do TJSP manteve multa imposta pelo Procon/SP à Centauro, loja de artigos esportivos, por violar direitos os do consumidor. A empresa recebeu a multa após terem sido confirmadas as divergências entre o preço ofertado e o cobrado na finalização da compra durante o período da “Black Friday”. A Centauro deverá pagar uma multa é no valor de R$ 677.653.33. A loja ingressou com ação a fim de desconstituir as penalidades, ou então a redução da multa. Segundo a empresa, o equívoco verificado foi prontamente corrigido com o ajuste de preços, e que o valor da multa fixada foi exorbitante. O juízo de 1º grau concluiu pela improcedência da ação de procedimento ordinário. Ao analisar o recurso, a câmara entendeu que a sentença foi a melhor solução e que não havia qualquer fato novo, apenas a reiteração das questões já enfrentadas. O desembargador relator Francisco Bianco destacou que “a realidade dos autos indica que determinados itens de consumo, por ocasião da finalização da respectiva aquisição, apresentavam preço superior ao da oferta, afrontando, inclusive, a proposta da promoção denominada black friday, com o escopo

Este conteúdo é restrito para usuários cadastrados do site e é GRÁTIS. Cadastre-se GRATUITAMENTE e tenha acesso já ao conteúdo. Se já for cadastrado, faça o login. Para novos usuários basta preencher o cadastro.

Login de usuários cadastrados