Procuradora aposentada é presa no Rio por tortura de criança

89
Procuradora estava foragida. Créditos: Fergregory | iStock A procuradora de Justiça aposentada Vera Lúcia de Sant’anna Gomes foi presa pela Polícia Civil do Rio de Janeiro. Ela foi condenada em 2010 a 8 anos e 2 meses de prisão por espancar uma criança de dois anos que pretendia adotar e estava foragida há quase três anos. A procuradora estava estava em sua residência, em Ipanema, na zona sul carioca. Em 2016, ela teria que dar início ao cumprimento da pena, que foi reduzida para 5 anos e 5 meses de prisão, em regime semiaberto, o que não ocorreu. Além da den´ncia por espancamento, ela também xingava a criança que pretendia adotar, já que tinha a guarda provisória da menor. Após ser denunciada por maus-tratos, o Conselho Tutelar retirou a menina do apartamento de Vera Lúcia em maio de 2010. (Com informações do Uol.)

Este conteúdo é restrito para usuários cadastrados do site e é GRÁTIS. Cadastre-se GRATUITAMENTE e tenha acesso já ao conteúdo. Se já for cadastrado, faça o login. Para novos usuários basta preencher o cadastro.

Login de usuários cadastrados
   
Cadastro de Novo Usuário
*Required field