Escritora acusa de plágio roteiristas que participaram da criação de “O Sétimo Guardião”

825

Autora pede indenização baseada no faturamento da TV Globo com a trama

A escritora Barbara da Cunha Coelho Rastelli entrou com uma ação de plágio contra 26 roteiristas que participaram do processo de criação da novela “O Sétimo Guardião”. O folhetim é transmitido pela TV Globo. As informações são do UOL.

A escritora também está processando a emissora e os autores da trama. Ela alega que seu livro “As Muralhas da Vida Eterna: Uma Metáfora Sobre o Tempo” foi inteiramente copiado pela novela.

danos morais coletivos
Créditos: TCShutter | iStock

Ela pede a suspensão da novela e indenização baseada no faturamento mensal da emissora com a exibição da trama.

Os 26 roteiristas foram alunos de uma oficina ministrada por Aguinaldo Silva, um dos co-autores da telenovela. Eles também entraram com uma ação de plágio contra Aguinaldo, acusando-o de ter usado ideias deles dadas durante as aulas.

De acordo com a apuração de Ricardo Feltrin, colunista do UOL, pelo menos dois dos alunos moram na mesma cidade que a escritora Barbara da Cunha Coelho Rastelli.

DEIXE UMA RESPOSTA