Justiça da Espanha condena youtuber ao ostracismo

29

Réu foi proibido de aparecer em plataformas na internet por cinco anos

fora do ar
Créditos: Scyther5 | iStock

A Justiça da Espanha condenou um youtuber a uma espécie de ostracismo. O produtor de vídeos foi proibido de aparecer em plataformas na internet por cinco anos após pregar uma brincadeira de mau gosto em um morador de rua na Catalunha. As informações são do portal UOL.

De acordo com o portal, o jovem chegou a receber uma pena de 15 meses de prisão, da qual foi poupado por não ter antecedentes criminais. A juíza responsável pelo caso entendeu que o rapaz feriu a honra do homem ao oferecer bolachas com recheio de pasta de dente. Ele foi condenado a indenizar o morador de rua em cerca de R$ 87 mil.

Segundo a decisão, o youtuber fica proibido de reaparecer na cena do crime, ou seja, no ambiente virtual. O rapaz também tem de apagar o próprio canal e pode ser penalizado caso crie outro. O caso foi investigado pela promotoria especializada em crimes de ódio no país.