DJ de Araraquara é preso por suspeita de invadir celulares de autoridades

330
DJ de Araraquara é preso por suspeita de invadir celulares de autoridades
Créditos: Brian A Jackson | iStock

A Polícia Federal prendeu 4 pessoas suspeitas de hackear celulares de autoridades. Um deles é Gustavo Henrique Elias Santos, DJ morador de Araraquara (SP). Sua mãe informou que está muito surpresa com a prisão e acredita que o envolvimento do filho no caso se trata de erro. O DJ já respondeu a processo por porte ilegal de arma. 

Um casal foi detido em São Paulo e um homem em Ribeirão Preto. Os quatro são suspeitos de invadir celulares do ministro Sérgio Moro e do procurador Deltan Dallagnol, dentre outras autoridades. 

A Polícia Federal informou que identificou os detidos por meio de perícia ao rastrear os sinais dos ataques aos telefones. Investigadores disseram que os ataques não foram muito refinados, e que a capacidade dos hackers não seria alta. A polícia ainda não conseguiu relacionar o grupo investigado e o pacote de mensagens dos procuradores da Lava Jato divulgado pelo site The Intercept Brasil. 

O advogado do DJ afirma que ele não tem nenhum envolvimento com o vazamento.

(Com informações do Correio 24 horas)

DEIXE UMA RESPOSTA