Wikipédia é ameaçada de processo por artigo sobre Ministro da Educação

214
Wikipédia é ameaçada de processo por artigo sobre Ministro da Educação
Créditos: jcamilo bernal | iStock

O ministro Abraham Weintraub e o Ministério da Educação ameaçaram a Wikipédia, famosa enciclopédia colaborativa, devido ao verbete com o nome do ministro da página. O fato ocorreu no início de agosto. Eles já haviam se manifestado contra o site ano passado, solicitando a exclusão do artigo sobre Weintraub da plataforma. A enciclopédia não aceitou remover o artigo e apenas restringiu a edição do texto com a finalidade de evitar “vandalismos” e combater a desinformação.

No entanto, o ato da Wikipédia retirou do Ministro e de sua equipe a capacidade de ajustar seu próprio artigo. Devido ao fato, o MEC entrou em contato com um dos administradores da Wikipédia no Brasil, Rodrigo Padula, para liberar o acesso à edição para que pudesse “exercer o seu direito à ampla defesa e ao contraditório”. 

No artigo, há uma menção ao contingenciamento de verbas da educação pública no país, prática adotada por Weintraub. O e-mail enviado ao administrador pelo MEC disse que o órgão aguarda 5 dias para que a Wikipedia se manifeste, e que o silêncio da instituição seria compreendida como uma recusa, que seria seguida das “medidas judiciais cabíveis”.

No dia 13 de agosto, a solicitação foi atendida. O próprio Rodrigo Padula removeu a proteção contra a edição com a seguinte justificativa: “Não vejo motivo para manter o bloqueio da página por mais tempo, vamos acompanhar o andamento, conforme edições voltamos a bloquear”.

(Com informações do Olhar Digital)

Leia também:

 

Conheça o Juristas Signer , a plataforma de assinatura de documentos com certificado digital.

DEIXE UMA RESPOSTA