Justiça penhora R$ 1,3 milhão do Corinthians em ação trabalhista movida por ex-zagueiro

taça
Créditos: Cifotart | iStock

A juíza Gilia Costa Schmalb do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT2), determinou a penhora online das contas do Sport Club Corinthians Paulista, em ação movida pelo ex-zagueiro Marcus Vinícius. A magistrada ordenou a penhora de R$ 1.350.072,46, valor referente à ação do ex-atleta, se não houver efeito, os valores do direito de transmissão pagos pela TV Globo é que serão penhorados.

Na ação, o zagueiro que atuou pelo clube entre 2003 e 2007 e participando da campanha do título brasileiro de 2005, ​cobra do clube valores relacionados ao Direito de Arena, já que recebia apenas 5% do clube, enquanto a lei exigia 20%. Além de direitos trabalhistas, como FGTS, férias, 13º salário, entre outros, todos acrescidos de juros e correção monetária.

O processo estava em tramitação desde maio de 2009, ou seja, há quase 12 anos. O valor inicial da ação foi R$ 550 mil, no entanto, com o tempo que o processo se arrastou, o valor dos juros ultrapassou o principal, chegando a R$ 765,5 mil. Além de R$ 34,5 mil de FGTS, o que totaliza mais de R$ 1,350 milhão.

O Corinthians pode ainda tentar um parcelamento.

Com informações do UOL.

Fique por dentro de tudo que acontece no mundo jurídico no Portal Juristas, siga nas redes sociais: FacebookTwitterInstagram e Linkedin. Adquira sua certificação digital e-CPF e e-CNPJ na com a Juristas Certificação Digital, entre em contato conosco por email ou pelo WhatsApp (83) 9 93826000

 

DEIXE UMA RESPOSTA