International Cyberlaw Conference 2021: primeiro dia de evento foi um sucesso

International Cyberlaw Conference 2021: primeiro dia de evento foi um sucesso | JuristasFoi um sucesso o primeiro dia do International Cyberlaw Conference 2021. A abertura foi realizada na manhã desta sexta-feira (14) pelos coordenadores do evento, os juristas Coriolano Camargo e Wilson Furtado Roberto. Abrilhantando o início do evento a participação do advogado Alfredo Scaff que atualmente preside o Brazil America Council e do Ex-diretor da Interpol na França, Paulo Quintiliano que ministrou a aula magna sobre Cibercrime e a legislação brasileira.

Na sequência aconteceram três painéis sobre Educação Digital, Direito e Proteção de Dados e fechando a manhã, Privacidade e Crimes informáticos. Na parte da tarde, o evento seguiu com painéis e palestras com média de 600 participantes por sala.

O primeiro dia do Cyberlaw Conference 2021 foi finalizado com a palestra da “A mulher como maior vítima na Internet, entenda as provas Digitais”, ministrada pela Desembargadora do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, Professora de Direito Digital-INSPER, Ivana David.

Os vídeos das palestras e conferências podem ser acessados no canal do Portal Juristas no YouTube

O Cyberlaw Conference 2021, segue com o segundo dia de atividades neste sábado (15), a partir das 8h da manhã.

Confira a programação:

DIA 02 – Sábado – 15/05/2021

8h20 – 8h30 – Início e abertura do segundo dia

8h30 – 9h00 – LGPD e Técnicas de Invasão: Ethical Hackers – Davis Alves

9h00 – 9h30 – A Estratégia Brasileira de Inteligência Artificial e a perspectiva internacional – João Pedro Ferraz Teixeira 

9h30 – 10h00 – Painel

“Como realizar um projeto de adequação à LGPD” – Luiz Fernando Martins Castro

“Assinatura eletrônica: segurança e LGPD” – Emerson Alvarez Predolin

10h00 – 10h30: Assembleia Virtual em Recuperações Judiciais e Extrajudiciais – Irini Tsouroutsoglou e Elias Mubarak Júnior

10h30 – 11h20: Delitos Emergentes – Emerson Wendt

11h20 – 12h10: Painel

“Eliminação do controle prévio como mecanismo legal que elimina o obstáculo à geração da evidência digital” – Ana Maria Mesa Elneser

“Investigação, Evidência digital, Paralegais, Cartórios e outros meios: a prova no mundo 4.0” – Hallrison Souza Dantas

 

12h50 – 13h00 – Abertura da parte da tarde

 

13h00 – 13h30 – Direito Digital da Amazônia ao Brasil: o que mudou – Aldo Evangelista

13h30 – 14h00 – (In)Segurança no ambiente Digital e a conformidade com a Lei Geral de Proteção de Dados – Filipe Mallmann

14h00 – 14h30 – Integridade e Tecnologia – Luiz Cláudio Silva Allemand

14h30 – 15h00 – Desafios ao uso de IA no Poder Judiciário – José Alfredo Ferreira Costa

 

Intervalo 15h às 15h10

 

15h10 – 15h40 – Vazamento de Dados e Repressão a crimes cibernéticos – Delegado Carlos Eduardo Miguel Sobral

15h40 – 16h10 – Segurança da Informação e os vazamentos de dados no Brasil – Cleórbete Santos

16h10 – 16h40 – Comunicação Virtual Pública. Preservação da transparência – Cid Peixoto do Amaral Neto

16h40 – 17h10 – Audiências prévias e julgamento oral criminal virtual no Peru – José Antonio Neyra Flores

17h10 – 18h00 – Painel

“As dificuldades e facilidades das tecnologias do judiciário” – Coriolano Camargo

18h00 – 18h20 – Antonio Carlos Kakay

DEIXE UMA RESPOSTA