Autor do massacre em creche de SC é denunciado à Justiça por cinco homicídios

massacre / assassino /
Créditos: thodonal88 / Shutterstock.com

Nesta sexta-feira (21), o Ministério Público de Santa Catarina (MPESC) ofereceu denúncia por homicídio qualificado, contra Fabiano Kipper Mai (18), autor do massacre na creche Aquarela, ocorrido no início deste mês, no município de Saudades. De acordo com a promotoria, ele deve responder por cinco assassinatos, de dois adultos e três bebês menores de 2 anos, além de 14 tentativas, oito destas em crianças.

De acordo com a investigação, Fabiano Kipper Mai teria planejado o ataque por cerca de dez meses. Nesse período, o acusado teria entrado em contato com “vários fornecedores” para comprar arma de fogo e também fez pesquisas sobre balestra e arco e flecha. Sem sucesso, passou a avaliar a possibilidade de praticar o ataque com armas brancas, segundo relata o MPE-SC.

A quebra de dados, do autor dos crimes, autorizada pela Justiça, teria mostrado, que Mai pesquisou sobre outros massacres, participava de fóruns digitais sobre violência e teria “idolatria a assassinos em série”. Também buscou na internet informações sobre o retorno às aulas presenciais em Santa Catarina. Na véspera do ataque, fez a pesquisa específica em relação à Aquarela, de acordo com a investigação.

Para a acusação, o crime aconteceu por motivo torpe. “Ele buscava reconhecimento e fama dentro do meio inserido”, afirma o promotor Douglas Dellazari, responsável pela denúncia. Segundo o MPE-SC, as outras qualificadoras são meio cruel e recurso que impossibilitou defesa das vítimas.

Com informações do UOL.

 

Fique por dentro de tudo que acontece no mundo jurídico no Portal Juristas, siga nas redes sociais: FacebookTwitterInstagram e Linkedin. Adquira sua certificação digital e-CPF e e-CNPJ na com a Juristas Certificação Digital, entre em contato conosco por email ou pelo WhatsApp (83) 9 93826000

DEIXE UMA RESPOSTA