Médico e influencer brasileiro é detido no Egito por assédio

Município é condenado por assédio moral após transferir trabalhadora que discutiu com prefeito
Créditos: r.classen / Shutterstock.com

O Ministério do Interior do Egito informou no domingo (30) que prendeu um youtuber brasileiro, o médico Victor Sorrentino por assédio a uma vendedora na cidade de Loxur, no Sul do país. A prisão foi inicialmente noticiada pela Al Jazeera e pelo portal Al Shai, jornais do Oriente Médio. Não há informações sobre quanto tempo Victor permanecerá preso.

O brasileiro postou no dia 24 de maio, em suas redes sociais um vídeo em que faz perguntas de cunho sexual para uma vendedora de papiro que não entende o idioma. “Elas gostam é do bem duro, bem duro! Comprido também fica legal, né?”, disse ele na gravação.

A trabalhadora riu, sem entender o que ele estava afirmando em português. Após a postagem, as imagens circularam nas redes sociais do país e as autoridades receberam denúncias de assédio da população. A hashtag ‘responsabilize o assediador brasileiro’, em repúdio à atitude foi destaque no Egito. Sorrentino tem mais de 300 mil inscritos em seu canal do YouTube, onde compartilha vídeos sobre saúde. As suas outras redes sociais foram desativadas após a prisão.

No comunicado divulgado o Ministério do Interior afirma que “conseguiu prender um estrangeiro após assédio a uma mulher, depois que ele publicou um vídeo com imagens do incidente em uma rede social, onde os serviços de segurança conseguiram identificar a vítima e o autor, e tomar as medidas judiciais contra ele e apresentar ao Ministério Público competente”, afirmou o órgão.

As redes sociais do brasileiro foram desativadas após a prisão. Segundo Patrícia Sorrentino, irmã do influencer, “Ele não foi preso, ele foi detido para prestar esclarecimentos à polícia egípcia”, pontuou ela no Instagram, nesta segunda-feira (31).

Em nota, o Itamaraty disse que “já foi informado sobre o caso e as autoridades brasileiras no Egito estão prestando assistência consular cabível ao cidadão”.

Com informações de el-shai e G1.


Fique por dentro de tudo que acontece no mundo jurídico no Portal Juristas, siga nas redes sociais: FacebookTwitterInstagram e Linkedin. Adquira sua certificação digital e-CPF e e-CNPJ na com a Juristas Certificação Digital, entre em contato conosco por email ou pelo WhatsApp (83) 9 93826000

DEIXE UMA RESPOSTA