Cantor Roger Moreira é condenado a indenizar artista plástica Adriana Varejão em R$ 100 mil

Construtoras
Créditos: Michał Chodyra / iStock

A 12ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ), condenou o cantor Roger Moreira, vocalista da antiga banda de rock Ultraje a Rigor, a pagar R$ 100 mil à artista plástica Adriana Varejão. A decisão judicial foi tomada em segunda instância, pela desembargadora Geórgia de Carvalho Lima, que também impôs que o músico publique um texto de retratação. Caso não seja feito, será acrescida multa diária no valor de R$ 200.

Em 2017, Roger publicou ofensas no Twitter, a Adriana que tinha obra na exposição “Queermuseu” e defender a permanência da exposição coletiva, alvo de protestos de conservadores e extremistas, no Santander Cultural de Porto Alegre.

O cantor desenhou nos olhos de uma imagem da artista cruzes com um pênis na direção da boca dela e escreveu na imagem sobre os seios da artista o xingamento “p*ta”.

“Nesse contexto, restaram suficientemente demonstradas a conduta ilícita do réu, o dano e o nexo de causalidade, ressaindo, daí, evidente o dever de indenizar”, diz a decisão judicial condenando Roger Moreira e indenizando Adriana Varejão.

Com informações do UOL.


Fique por dentro de tudo que acontece no mundo jurídico no Portal Juristas, siga nas redes sociais: FacebookTwitterInstagram e Linkedin. Adquira sua certificação digital e-CPF e e-CNPJ na com a Juristas Certificação Digital, entre em contato conosco por email ou pelo WhatsApp (83) 9 93826000

DEIXE UMA RESPOSTA