Tribunal do Júri condena homem que ao disparar em desafeto atingiu uma criança

Tribunal do Júri
Créditos: Tomloel | iStock

O Tribunal do Júri na comarca de Lages (RS) condenou um homem a quatro anos de reclusão por tentativa de homicídio qualificada. Em 2013, o réu atirou várias vezes em direção a um homem com quem tinha discutido, mas acabou por atingir uma criança de oito anos de idade.

De acordo com os autos (0009355-83.2014.8.24.0039) os dois homens tiveram um desentendimento. O réu saiu da residência, localizada no bairro Várzea, com ameaça de voltar armado. Uma hora e meia depois, de fato, ele retornou com um revólver e desferiu inúmeros disparos em direção ao desafeto. Nenhum acertou o rapaz. Por erro na execução, um dos tiros atingiu uma criança, que foi socorrida e levada ao hospital para retirada do projétil. O garoto sobreviveu.

STF mantém decisão sobre submissão de arquiteta acusada de mandar matar os pais em Brasília ao Tribunal do Júri
Créditos: Michał Chodyra | iStock

A tentativa de homicídio foi qualificada por meio de que possa resultar perigo comum. Com os disparos, o homem colocou em risco a vida de várias pessoas que estavam no local. 

O acusado foi condenado à pena de quatro anos, em regime aberto, uma vez que não houve perigo de vida, conforme atestou o experto no laudo pericial. Ele poderá recorrer da decisão em liberdade 

Com informações do Tribunal de Justiça de Santa Catarina


Fique por dentro de tudo que acontece no mundo jurídico no Portal Juristas, siga nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Linkedin. Participe de nossos grupos no Telegram e WhatsApp. Adquira sua certificação digital e-CPF e e-CNPJ na com a Juristas Certificação Digital, entre em contato conosco por email ou pelo WhatsApp (83) 9 93826000

DEIXE UMA RESPOSTA