TJPB condena Telefônica a pagar R$ 5 mil por dano moral

Vivo - Operadora de Telefonia
Créditos: Michał Chodyra / iStock

A 3ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB), decidiu majorar para R$ 5 mil, o valor da indenização a ser pago pela Telefônica Brasil S/A a título de danos morais, a uma consumidora que teve o nome indevidamente inscrito no SPC e Serasa.

De acordo com a autora seu nome teria sido indevidamente inscrito no SPC SERASA por débitos junto à Telefônica, já que ela contratou com a reclamada, o serviço na modalidade pré-paga, onde não existe emissão de faturas.

não contratado
Créditos: Monthira Yodtiwong

O juízo da 4ª vara cível da comarca de João Pessoa, fixou uma indenização de R$ 2 mil. A parte autora apelou da decisão requerendo a majoração da condenação no valor de R$ 10 mil.

No julgamento da Apelação (0882216-41.2019.8.15.2001), o relator, Desembargador Márcio Murilo da Cunha Ramos entendeu que o valor que mais atende aos critérios da razoabilidade e da proporcionalidade, dentro dos parâmetros praticados pelo TJPB, consubstancia-se no montante de R$ 5 mil.

Empresa de telefonia deve indenizar por cobrança indevida
Créditos: sebra / Shutterstock.com

“O quantum de R$ 2 mil fixado em sentença mostra-se inexpressivo ou irrisório diante da ofensa de tamanha relevância, de modo que merece majoração, a fim de atender os critérios da razoabilidade e da proporcionalidade, sem, todavia, ensejar o enriquecimento ilícito.”, assinalou.

Cabe recurso da decisão.

Com informações do Tribunal de Justiça da Paraíba.


Fique por dentro de tudo que acontece no mundo jurídico no Portal Juristas, siga nas redes sociais: FacebookTwitterInstagram e Linkedin. Participe de nossos grupos no Telegram e WhatsApp. Adquira sua certificação digital e-CPF e e-CNPJ na com a Juristas Certificação Digital, entre em contato conosco por email ou pelo WhatsApp (83) 9 93826000

 

DEIXE UMA RESPOSTA