TRF3 determina prisão de investigados na Operação Contágio

Doping / Medicação
Créditos: Piotr Adamowicz/Shutterstock.com

O desembargador federal Paulo Fontes, da 5ª Turma do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF3), acolheu pedido do Ministério Público Federal (MPF) e proferiu decisão em caráter liminar para decretar a prisão preventiva de um suspeito e restabelecer a prisão preventiva de outros três investigados na Operação Contágio.

Foi determinada ainda a apreensão de dois veículos registrados em nome de empresas investigadas e a expedição de três mandados de busca e apreensão nas residências de suspeitos. As diligências foram cumpridas pela Polícia Federal na terça-feira (23).

TRF3 determina que SUS forneça medicamento de alto custo a paciente portadora da Doença de Fabry
Créditos: Andrey_Popov / Shutterstock.com

O MPF recorreu ao Tribunal contra decisão de primeiro grau que havia acolhido parcialmente representação policial contra os investigados. Ao analisar o processo, o desembargador federal Paulo Fontes deferiu a maior parte dos requerimentos da Procuradoria, mas rejeitou o pedido de prisão preventiva de outros dois suspeitos. A apelação tramita sob sigilo e será julgada pela Quinta Turma ainda neste ano.

A Operação Contágio apura desvios de verbas federais em contratos milionários de saúde de cidades paulistas. A investigação abrange médicos e empresários ligados a uma rede de empresas que seriam utilizadas para cometer crimes.

Com informações do Tribunal Regional Federal da 3ª Região.


Fique por dentro de tudo que acontece no mundo jurídico no Portal Juristas, siga nas redes sociais: FacebookTwitterInstagram e Linkedin. Participe de nossos grupos no Telegram e WhatsApp. Adquira sua certificação digital e-CPF e e-CNPJ na com a Juristas Certificação Digital, entre em contato conosco por e-mail ou pelo WhatsApp (83) 9 93826000

DEIXE UMA RESPOSTA