Ator Francisco Cuoco descumpre intimação da Justiça e falta teste de paternidade

TJ-RS anula acordo de autora que desistiu de ação de paternidade por dinheiro
Créditos: jarun011 | iStock

O ator Francisco Cuoco faltou na coleta do exame de DNA para verificar se é ou não pai do ator e modelo Anthony Júnior. Pela segunda vez, a justiça intimou o ator a fazer teste de paternidade, que deveria ter sido realizado na última quinta-feira, conforme noticiou o programa “Domingo Espetacular”, da TV Record.

A defesa de Francisco Cuoco teria apresentado um exame demonstrando o tipo sanguíneo dele e sugerindo que Anthony fizesse o mesmo. Segundo o advogado de Cuoco, essa comparação entre os tipos sanguíneos seria uma forma de evitar o constrangimento da coleta da amostra de DNA.

Sangue - Fator RH
Créditos: kukhunthod / iStock

Como o ator faltou pela segunda vez ao exame de DNA, Francisco não vai mais ser intimado a fazer um novo exame. Anthony agora terá que apresentar novas provas e o juiz vai decidir se Francisco Cuoco é, ou não, pai do modelo, segundo a reportagem do Domingo espetacular.

Anthony Júnior (42), mora nos Estados Unidos e tenta descobrir quem é seu verdadeiro pai. Ele disse que “soube” da paternidade por meio de sua mãe, Neila. Uma tia do modelo também afirma ter visto uma foto na qual sua irmã (mãe de Anthony) aparece com o ator.

Ator Francisco Cuoco descumpre intimação da Justiça e falta teste de paternidade | Juristas
Créditos: Mikko Lemola / iStock

Depois do ocorrido, a mãe escondeu a fotografia da família e fez o filho acreditar que um outro homem, chamado de Antônio Tavares, era seu pai. Ao se separar, o pai de criação revelou a Anthony que havia se casado com sua mãe quando ela já estava grávida.

“Não é fácil passar por essa situação. É cansativo, mas é o preço que estou pagando por essa decisão, de querer saber a verdade. Ele, realmente, vem fazendo de tudo para que esse exame não seja feito. Não quero o dinheiro dele”, declarou o modelo ao programa da Record.

Unimed Belo Horizonte
Créditos: AndreyPopov / iStock

De acordo com a súmula 301 do Superior Tribunal de Justiça, de 2004, Cuoco pode ser designado como pai à revelia. A decretação de ato de revelia, na ação de investigação de paternidade, se dá quando o investigado se recusa a fazer o exame DNA após ser citado no processo e notificado pela Justiça. Caso o juiz decrete a paternidade à revelia, o ator ainda pode recorrer.

Com informações da Rede Record.


Fique por dentro de tudo que acontece no mundo jurídico no Portal Juristas, siga nas redes sociais: FacebookTwitterInstagram e Linkedin. Adquira sua certificação digital e-CPF e e-CNPJ na com a Juristas Certificação Digital, entre em contato conosco por email ou pelo WhatsApp (83) 9 93826000

DEIXE UMA RESPOSTA