Código secreto da Apple vaza na internet

Parte do código-fonte do iOS 9, lançado em 2015, vaza na internet

Um dos maiores segredos da Apple foi divulgado na internet: a chave para iniciar o sistema operacional de alguns iPhones e iPads, conhecida como iBoot. A empresa confirmou que uma parte crítica do iOS, sistema operacional de alguns de seus aparelhos, vazou e ficou exposta na GitHub, página onde desenvolvedores divulgam seus códigos.

Por mais que esse vazamento tenha sido revelado há poucos dias, ele já estava na internet há pelo menos 4 meses e foi compartilhado no Twitter e no Reddit, site que agrega notícias, como “propriedade da Apple Inc., confidencial e patenteado”.

Jonathan Levin, especialista em segurança digital que trabalhou no desenvolvimento do software da Apple, afirma que esse é o maior vazamento da história da empresa.

Esse código foi elaborado pela Apple para fazer iPhones e iPads funcionarem e o sistema operacional ser executado com segurança, além de também poder recuperar um aparelho. Por isso, o vazamento do iBoot pode fazer com que hackers descubram possíveis falhas de segurança no sistema.

Os dados que vazaram são do iOS 9, lançado em 2015, embora também contenham informação de 2016.

Opinião da Apple sobre o caso

De acordo com a empresa norte-americana, 93% dos usuários usam o iOS 10 ou 11, que é a última versão lançada. Logo, nesses casos, o segredo dos códigos está mantido.

A Apple jamais publicou dados do tipo e afirmou que o vazamento não coloca a segurança dos usuários em risco. No dia 7 de fevereiro, a companhia disse que o código que vazou é antigo, de 3 anos atrás, e que existem várias camadas de software e hardware. A empresa também exigiu que o GitHub apague o código.

 

Fonte oficial: UOL

Se vives de acordo com as leis da natureza, nunca serás pobre; se vives de acordo com as opiniões alheias, nunca serás rico.

- Sêneca

O dia que chegar, chegou. Pode ser hoje ou daqui a 50 anos. A única coisa certa é que ela vai chegar.

- Ayrton Senna