Empresa de Robert De Niro processa ex-funcionária

58
Empresa de Robert De Niro processa ex-funcionária
Créditos: wutwhanfoto | iStock

Canal Productions, empresa do ator Robert De Niro, abriu um processo contra uma ex-funcionária no valor de R$ 24 milhões. De acordo com a empresa, ela assistia a série Friends, na Netflix, durante o expediente, e gastava dinheiro da empresa em hotéis, restaurantes e táxis.

As informações são da Variety. De Niro passava muito tempo em fora da empresa, e a jovem, em 4 dias, teria assistido 55 episódios de Friends e 20 capítulos da sitcom Arrested Development.

A acusação afirma que “assistir séries na Netflix não estava relacionado, de forma alguma, com as tarefas e responsabilidades do trabalho de Robinson. Ela o fez por entretenimento e diversão no horário que estava sendo paga para trabalhar”.

Ela começou na Canal Productions como assistente pessoal do ator, chegando à vice-presidência de produção e finanças, com salário anual de US$ 300 mil. A ex-funcionária ainda é acusada de utilizar milhas do ator em viagens pessoais, gastado US$ 12 mil em apenas em um restaurante, US$ 8 mil em uma padaria e um supermercado e US$ 32 mil em Uber e táxi.

(Com informações do Uol)

DEIXE UMA RESPOSTA