STJ homologa sentença estrangeira de US$ 6,1 milhões contra OAS

sentença a favor
Créditos: Sebastian Duda / shutterstock.com

Foi homologada pela Corte Especial do STJ (Superior Tribunal de Justiça), a sentença da Justiça de Trinidad e Tobago que condenou a OAS a pagar US$ 6,1 milhões por inadimplência contratual. O reconhecimento da decisão estrangeira é necessário para que ela tenha efeitos no Brasil.

A OAS contestou o pedido de homologação perante o STJ, com a alegação de que haveria “deficiência na instrução do pedido, devido à ausência de documentos fundamentais e da assinatura do juiz que proferiu a decisão”, segundo nota do órgão de justiça brasileiro. A empresa também argumentou, que seria uma “ofensa à ordem pública”, por “absoluta ausência de fundamentação” da decisão estrangeira.

A sentença no país caribenho foi tomada após pedido apresentado por uma construtora local, vencedora da disputa judicial. Segundo a relatora do caso, ministra Laurita Vaz, o papel do STJ diante de um pedido como esse, é verificar se são atendidos certos requisitos formais, além de observar se há ofensa à soberania nacional, à dignidade da pessoa humana ou à ordem pública. Já as questões de mérito do processo não devem ser revisadas.

“É muito comum, em determinados países, a forma objetiva e direta de análise oral dos argumentos apresentados pelas partes, seguida da declaração do direito reconhecido pelo juízo”, explicou a ministra. Além disso, ressaltou que o fato de a sentença não ser assinada da mesma maneira que as do Brasil não significa ofensa à ordem pública e, sim, demonstra um sistema jurídico diferente.

A ministra apontou, também, que segundo consta no processo, os advogados de ambas as partes foram ouvidos antes da decisão.

Com informações do UOL.

 

Fique por dentro de tudo que acontece no mundo jurídico no Portal Juristas, siga nas redes sociais: FacebookTwitterInstagram e Linkedin. Adquira sua certificação digital e-CPF e e-CNPJ na com a Juristas Certificação Digital, entre em contato conosco por email ou pelo WhatsApp (83) 9 93826000

DEIXE UMA RESPOSTA