Pastor norte-americano é acusado de abuso sexual de paroquianos

315
Pastor norte-americano é acusado de abuso sexual de paroquianos
Créditos: Sevenstockstudio | iStock

Três homens registraram uma denúncia no Presbitério de Elizabeth, cidade do estado de Nova Jersey, nos Estados Unidos, de que William Weaver, ministro presbiteriano, teria agredido sexualmente vários paroquianos sob o disfarce de exorcizar espíritos malignos. 

Um dos denunciantes disse que o pastor praticava sexo oral nos cristãos dizendo que precisava “sugar” os demônios por meio do sêmen. Ele justificava seu ato citando um verso bíblico da Epístola aos Efésios que dizia para os cristãos usarem “a armadura completa de Deus”.

Na denúncia, ainda é narrado como o ato ocorria: o pastor ordenava que os fiéis se despissem e deitassem, colocava uma “moeda sagrada” na testa deles e os estimulava sexualmente com a boca. Uma das vítimas diz que, após ser abusado, ouviu do pastor que não era preciso ter medo, que ele era seu protetor. Por fim, recebeu um beijo na boca.

Segundo o jornal que noticiou o fato, a investigação do Presbitério apontou evidências de “atos de idolatria e má conduta sexual” e pornografia gay no computador do escritório do pastor.

(Com informações do Polêmica Paraíba)

DEIXE UMA RESPOSTA