sábado, maio 15, 2021
Início Tags Ross

Tag: Ross

Futuro do Direito - Inteligência Artificial

Qual o futuro do Direito com a inteligência artificial?

A inteligência artificial já faz parte da rotina de inúmeros escritórios de advocacia. Desde a criação do sistema Watson, pela IBM, robôs conseguem realizar atividades que antes demandavam o tempo de uma equipe inteira de advogados. Por meio da computação cognitiva, softwares conseguem processar informações de forma muito semelhante ao cérebro humano. Ross é um exemplo do que a inteligência artificial pode fazer pela advocacia. O robô, que chegou ao mercado em 2017, consegue analisar documentos em segundos, além de orientar o advogado para as melhores decisões a serem tomadas.
Uso da Inteligência artificial e robôs na advocacia

Advogados serão substituídos por robôs?

O uso de robôs no quotidiano da advocacia já é uma realidade para os escritórios. Ross, Carol e ELI são apenas alguns exemplos de como a inteligência artificial vem ganhando espaço no mundo jurídico.
local de trabalho

Robôs no local de trabalho podem criar o dobro dos empregos que eles “tomam”

Um relatório do Fórum Econômico Mundial sugere que as novas tecnologias têm a capacidade de romper e criar novas formas de trabalho. Mais especificamente, acredita que máquinas, robôs e algoritmos podem criar quase o dobro do número de postos de trabalho para a economia global nos próximos 10 anos, se comparado ao número que supostamente substituiriam. São cerca de 133 milhões de empregos no mundo que poderiam ser criados, enquanto 75 milhões de postos poderiam ser deslocados.
ross

Universidade Canadense cria o primeiro advogado robô que litiga usando Inteligência Artificial

Uma startup canadense da Universidade de Toronto criou Ross, o primeiro advogado robô do mundo. E ele é capaz de ouvir a linguagem humana, rastrear mais de 10 mil páginas por segundo e formular uma resposta muito mais rápida do que qualquer advogado humano.
Inteligência artificial na advocacia: prejuízo ou benefício?

Inteligência artificial na advocacia: prejuízo ou benefício?

A utilização de robôs e outras formas de inteligência artificial na advocacia já são uma tendência em escritórios do mundo inteiro. Em janeiro de 2017, o escritório norte americano Baker & Rosteler anunciou que passará a utilizar um robô para analisar os documentos de sua área de falências. Ross é um robô que possui capacidade para analisar milhões de documentos em segundos, além de sugerir ao advogado quais decisões podem ser tomadas...
Pular para a barra de ferramentas