Usuários de iPhone nos EUA poderão processar a Apple por monopólio

88
Suprema Corte americana autorizou prosseguimento de ação coletiva sobre preços praticados na App Store Usuários de iPhone poderão processar a Apple por práticas de monopólio. Foi o que decidiu nesta segunda-feira (13/5) a Suprema Corte dos Estados Unidos ao autorizar o prosseguimento de uma ação coletiva contra a companhia em razão dos preços praticados em sua loja de aplicativos online. Créditos: Leszek Kobusinski | iStock O processo já se arrastava há quase uma década, segundo a rede de TV CNBC. Os usuários argumentam que a comissão de 30% que a Apple cobra sobre as vendas em sua App Store inflacionam os preços, que por sua vez são passados adiante aos consumidores. A companhia alega que somente os desenvolvedores poderiam processá-la nesses termos. O voto final da maioria veio por meio do ministro mais recente, indicado pelo presidente Donald Trump. Em voto de desempate, o ministro Brett Kavanaugh argumentou que a defesa da Apple “só faz sentido no que diz respeito a limitar ações similares contra ela”. Saiba mais: Apple poderá continuar a usar marca iPhone no BrasilEmpresa não é obrigada a cumprir preço anunciado com erro evidenteApple é processada por mais de 130 mil chilenosApós longas batalhas judiciais, Apple faz

Este conteúdo é restrito para usuários cadastrados do site e é GRÁTIS. Cadastre-se GRATUITAMENTE e tenha acesso já ao conteúdo. Se já for cadastrado, faça o login. Para novos usuários basta preencher o cadastro.

Login de usuários cadastrados