Após longas batalhas judiciais, Apple faz acordo com Samsung, veja;

297
Apple
Créditos: Leszek Kobusinski | iStock

Depois de travar uma longa batalha judicial que durou sete anos, as líderes mundiais de smartphones, Apple e Samsung fecharam acordo em uma ação movida pela empresa americana que acusava a companhia asiática de copiar o iPhone.

Lucy Koh, juíza responsável pelo caso informou que as empresas se acertaram, mas não foram divulgados detalhes do acordo. A última informação divulgada a respeito foi que a Apple havia vencido, o que previa um pagamento de US$ 539 milhões (cerca de R$ 2,05 bilhões na cotação da época) por parte da Samsung.

O caso começou em 2011 com batalhas judiciais sendo travadas em diversos países. Inicialmente, a Apple queria US$ 1 bilhão, enquanto a Samsung estava disposta a desembolsar US$ 28 milhões. A primeira sentença, que saiu em 2012, a empresa americana saiu vitoriosa, mas a asiática recorreu.

O processo foi para a Suprema Corte americana, que ouviu os argumentos de ambas as partes. Cada empresa acusava a outra de infringir patentes distintas.

Mesmo com o acordo fechado, a Apple permaneceu em seu posicionamento, afirmando que “o caso era sobre mais do que dinheiro.

Segundo a empresa americana, a “Samsung copiou descaradamente” o design do iPhone, aparelho que “iniciou a revolução do smartphone”.

Desta vez, a Samsung não se posicionou. A companhia sul-coreana havia recorrido da última decisão judicial, porém se articulou com a Apple e chegou ao acordo, até o momento confidencial entre as duas partes.

Anteriormente, a Samsung havia contestado a decisão, apontando para o veredito tomado pela Suprema Corte americana, que foi unânime “em favor da Samsung no escopo dos danos por patente de design”. (Com informações do Uol.)

DEIXE UMA RESPOSTA