Bacharel em Direito é flagrado por atuar como advogado mesmo sem a carteira da OAB

268
Caso aconteceu na cidade de Jaru, em Rondônia. Suspeito é formado como advogado, mas ainda não possui a carteira Um homem foi flagrado por atuar como advogado de forma ilegal, na quinta-feira (08/02), em um escritório de Jaru (RO), que fica a 290 quilômetros da capital, Porto Velho. A Comissão de Ética e Prerrogativas da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) disse que o suspeito é formado em Direito, porém não possui a carteira da OAB para exercer sua função. Na ocorrência, Idiano Pedroso Gonçalves, presidente da OAB em Jaru, pediu a presença da Polícia Militar (PM) em um escritório de advocacia, sob a alegação de que uma pessoa estava exercendo a profissão ilegalmente. O crime foi confirmado pelas autoridades. O homem disse, aos integrantes da Comissão, que é bacharelado em direito, mas que não possui a carteira da OAB para atuar na área. Serviço era procurado pelos clientes locais Havia um homem que estava aguardando no escritório para que pudesse tirar uma dúvida a respeito da sua aposentadoria, mas ele foi informado pela secretária que o responsável pelo escritório estava viajando, porém o atendimento seria prestado pelo sobrinho do responsável, que seria o homem que atuava ilegalmente como advogado.

Este conteúdo é restrito para usuários cadastrados do site e é GRÁTIS. Cadastre-se GRATUITAMENTE e tenha acesso já ao conteúdo. Se já for cadastrado, faça o login. Para novos usuários basta preencher o cadastro.

Login de usuários cadastrados