Justiça do Trabalho de Goiás aprova Política de Responsabilidade Socioambiental

14
Funcionário deverá ser indenizado por acusação infundada de furto no ambiente de trabalho
Créditos: Alex Staroseltsev / Shutterstock.com

Foi aprovada na última semana pelo Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região – TRT18 a Política de Responsabilidade Socioambiental da Justiça do Trabalho em Goiás. A iniciativa busca difundir políticas públicas visando à formação e recuperação de um ambiente ecologicamente equilibrado, além da conscientização dos servidores e jurisdicionados do TRT18 sobre a necessidade de efetiva proteção ao meio ambiente.

Conforme a Resolução Administrativa nº 89/2020, o monitoramento da Política de Responsabilidade Socioambiental será realizado por meio da elaboração de Relatório Anual de Sustentabilidade, a ser encaminhado ao Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT) e publicado no portal do Tribunal Regional.

Segundo a chefe da Gerência de Responsabilidade Socioambiental, Lara Barroso, o documento foi construído de forma participativa com representantes de instituições parceiras como MPT, Agatra, Amatra e Asjustego, além de magistrados e servidores.

O projeto para a implantação da Política foi iniciado no ano passado, com pesquisa interna com para o levantamento de demandas, além de oficina participativa com gestores das áreas administrativa e judiciária. A consolidação do documento se deu com uma plenária virtual com os representantes das instituições envolvidas com a Justiça do Trabalho para selecionar as propostas que constam da Política.

Com informações do Conselho Nacional de Justiça – CNJ

DEIXE UMA RESPOSTA