CNJ facilita concentração de esforços nas execuções fiscais de maior valor

Data:

Modelo de Documento - Notificação Extrajudicial - Causídico
Créditos: Khakimullin / Depositphotos

Um marco importante foi alcançado no processo de agilização das execuções fiscais em Fortaleza-CE. Nos últimos quatro meses, foram extintos impressionantes 71% dos processos de execução fiscal, totalizando 33.225 ações. Esse resultado significativo permite que a Fazenda Municipal concentre seus recursos e esforços nas execuções de maior valor. A conquista é resultado direto da Portaria Conjunta n. 8/2023, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) e da Procuradoria do Município de Fortaleza.

Assinada em dezembro de 2023, a portaria simplifica a identificação e a posterior extinção dos processos com valor de até R$ 50 mil, cujo ajuizamento é dispensado por norma do próprio Município.

CNJ facilita concentração de esforços nas execuções fiscais de maior valor | Juristas
Accounting analysis businessman hand working Strategy Research analyzing financial data and charts

Durante a assinatura da portaria conjunta, realizada no TJCE em Fortaleza, o presidente do CNJ e do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso, destacou a importância dessa iniciativa pioneira no estado do Ceará e expressou o desejo de replicar esse modelo em outras regiões do país.

O coordenador do Núcleo 4.0 – Execuções Fiscais, juiz Renato Esmeraldo Paes, enfatizou que o acordo contribuirá significativamente para a redução da taxa de congestionamento das unidades judiciárias e para uma maior eficiência na busca por créditos para a Fazenda. Paes ressaltou que essa estratégia permitirá concentrar esforços nos processos de maior valor, otimizando os recursos e maximizando o retorno financeiro para o Município.

CNJ facilita concentração de esforços nas execuções fiscais de maior valor | Juristas
Luís Roberto Barroso, preside a sua primeira sessão do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) Foto: Fabio Rodrigues-Pozzebom/ Agência Brasil

Segundo o Relatório Justiça em Números 2023 (ano-base 2022), cerca de 34% do estoque total de processos na Justiça são relacionados a execuções fiscais, o que representa um desafio significativo. O CNJ tem se dedicado a reduzir esse estoque através de várias iniciativas, como portarias conjuntas e a Semana Nacional da Regularização Tributária.

Essa colaboração entre os órgãos públicos e judiciais é um passo importante na direção de uma justiça mais ágil e eficaz, garantindo uma administração fiscal mais eficiente e justa para todos os envolvidos.

Com informações do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).


Você sabia que o Portal Juristas está no FacebookTwitterInstagramTelegramWhatsAppGoogle News e Linkedin? Siga-nos!

Notícias, modelos de petição e de documentos, artigos, colunas, entrevistas e muito mais: tenha tudo isso na palma da sua mão, entrando em nossa comunidade gratuita no WhatsApp.

Basta clicar aqui: https://bit.ly/zapjuristas

Ricardo Krusty
Ricardo Krusty
Comunicador social com formação em jornalismo e radialismo, pós-graduado em cinema pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

Deixe um comentário

Compartilhe

Inscreva-se

Últimas

Recentes
Veja Mais

A Influência da Identidade Visual na Força da Marca

A Influência da Identidade Visual na Força da Marca Definição...

Marcas Notoriamente Conhecidas: Proteção e Exemplos no Brasil

No mundo dos negócios, algumas marcas alcançam um nível de reconhecimento tão alto que se tornam notoriamente conhecidas. Essas marcas gozam de uma proteção especial, mesmo que não estejam registradas em todas as classes de produtos ou serviços. Este artigo aborda o conceito de marcas notoriamente conhecidas, a proteção legal conferida a elas no Brasil e exemplos de marcas que se enquadram nessa categoria.

Modelo de recurso contra multa por não obedecer à sinalização de trânsito

Modelo para recurso contra multa por não obedecer à...

TJSP invalida venda de empresa por inclusão de crédito do qual não é titular

A 1ª Câmara Reservada de Direito Empresarial do Tribunal de Justiça de São Paulo, em julgamento estendido, declarou a invalidade da venda de uma empresa que incluía no preço final valores de precatórios dos quais não era titular, caracterizando uma operação de crédito a non domino.