Analistas do Google escutam conversas de usuários com assistente virtual

86
Analistas do Google escutam conversas de usuários com assistente virtual
Créditos: Ivanko_Brnjakovic | iStock

O Google admitiu que analistas terceirizados escutam 0,2% das conversas entre os usuários e o “Assistant”, o assistente virtual da empresa. Amazon, Samsung e Apple também oferecem esse tipo de serviço, e todos garantem que os diálogos são privados e analisados exclusivamente por sistemas de inteligência artificial. Porém, a admissão do Google colocou a dúvida sobre tudo.

David Monsees, responsável pelos produtos de buscas do Google, revelou o fato no blog oficial da empresa para responder a uma matéria divulgada por uma emissora belga, que disse ter acesso a mil gravações de indivíduos anônimos que usaram o assistente virtual após recebê-las de um dos analistas contratados pelo Google no país para analisar o material. 

No texto, Monsees admite que “especialistas no mundo todo” possuem a função de “ouvir e transcrever uma pequena parte dos diálogos para nos ajudar a compreender melhor esses idiomas”. O Google pontuou que os áudios escutados representam somente 0,2% do total registrado pelos sistemas. 

Ele ainda garante que os fragmentos não se associam às contas dos usuários e seus funcionários não transcrevem sons ou diálogos paralelos registrados pelo sistema ao interagir com a assistente virtual.

A emissora belga, no entanto, disse ter sido capaz de identificar endereços e outras informações sensíveis nos áudios, o que permitiu que confirmassem a autenticidades das gravações.

O Google disse que o assistente virtual envia gravações após detectar o comando específico do usuário para ativá-lo, como o “Hey Google”. 

(Com informações do R7)

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA